Resgatei

E agora?

Não existem órgãos que possam recolher animais. Se você pretende ajudar e resgatar um animal necessitado, tenha em mente que a responsabilidade será sua até encontrar um novo lar para ele.. Animais de rua são tão maltratados que são traumatizados e podem se tornar muito arredios e desconfiados. Você terá que ganhar a confiança dele. Leve petiscos para lhe dar. Vá com calma e paciência. Faça-lhe carinho. Dê-lhe mais petiscos.

Outros simplesmente são carentes demais e vão correr para você pedindo que lhes leve. Esses são mais fáceis. Apenas lhe dê o petisco e coloque a coleira com corrente.

Se for preciso, ponha-lhes focinheira. Os que estiverem sentindo dor, como em fraturas, tendem a morder caso lhes toquem, por causa da dor. Nesse caso será preciso a focinheira. Caso o animal esteja fraturado, também leve uma tábua para servir de maca, pois será necessário o mínimo de movimentação para transportá-lo.

Acabei de resgatar um animal

O que devo fazer?

Nutri-lo, hidratá-lo, higienizá-lo, aquecê-lo, e/ou encaminhá-lo para uma Clínica Veterinária e checar a saúde do animal.
Vaciná-lo, vermifugá-lo e principalmente esterilizá-lo, evitando assim crias indesejados e mais abandono.

Posso levá-lo até vocês?

Não. Você não pode trazê-lo para nós. Nós não temos abrigos. Portanto, se você resgatou um animal, o mais correto é você hospedá-lo temporariamente até encontrar um novo lar para ele.

Existe algum abrigo ou Ong na qual eu possa levar o meu animal?

Não! Os abrigos e as Ongs existentes estão estão lotados e os animais de lá vivem em condições precárias, às vezes mais do que nas ruas.
Animais de abrigos não são felizes e muitas vezes nem sadios. Muitos morrem de depressão, desnutrição, brigas, berne, sarnas, cinomose, etc. Você não estará salvando a vida de um animal entregando-lhe a um abrigo. Foto de vários animais juntos

Posso levar o meu animal para a Carrocinha/CCZ?

Não, pois as carrocinhas não recebem animais entregues por munícipes.

Em alguns estados, as que recebem irá sacrificar animal em três dias, sem nenhum critério de sacrifício
humanitário. Em outros, como no Rio e Janeiro, é proibido o sacrifício de animais, porém ele se encontrará na
situação de abrigos descrita acima (superlotados).

Eu não tenho onde deixar esse animal

Onde posso levá-lo?

Caso você não possa hospedar o animal resgatado em sua casa, aconselhamos a hospedá-lo temporariamente em hotéis e/ou clínicas veterinárias de sua confiança. Nesse caso, você irá se responsabilizar pelas diárias cobradas pelos estabelecimentos. Você também poderá verificar a possibilidade de hospedem com algum vizinho, parente ou amigo próximo.

Fora a Internet, onde e como posso divulgar o meu animal?

Exitem muitos sites de adoção. Você pode anunciar neles. Você também pode fazer um email com foto e as características do animalzinho e divulgar na sua rede de amigos. Alguns site de muitos:

procure1amigo.com.br

olharanimal.org

  • Nas redes sociais.
  • Anunciar em Jornais do Bairro, em Rádios etc.
  • Distribuir cartazes em lugares de bastante movimento (supermercados, pet shops, padarias, farmácias, bancas de jornal, ponto de ônibus etc.).
  • Distribuir faixas em locais de bastante movimento.

O que deve constar no cartaz?

– Fotos (se possível)
– Dados do animal (nome, raça, sexo, idade, porte, cor, temperamento, saúde);
– Seus contatos (nome, telefone, e-mail e região em que você mora).

O que é importante lembrar sobre Resgate de Animais?

Não existem órgãos que possam recolher animais. O que a maioria das pessoas faz é resgatar e colocá-los em suas próprias residências.